Transação de Bitcoin: como funciona - img1

Transação de Bitcoin: como funciona

19-02-2018
Viviane Menosso


A transferência de valor entre carteiras de Bitcoin é um processo similar a transferência bancaria, ou então, pode ser comparado com enviar e receber um e-mail.
Transações de Bitcoin são feitas a partir de duas carteiras virtuais (wallet): uma que envia e outra que recebe as criptomoedas. Elas são realizadas por meio de exchanges (corretoras), programas de computador ou aplicativos de celular. Também é possível realizar transações com hardwallet ou carteiras de papel.

Para realizar a transação, é preciso informar a quantia de Bitcoin que deseja enviar e o endereço de destino. Um endereço é composto por um código alfanumérico e todas as wallets apresentam um exclusivo. Exemplo: 1KivdesuLykUGZU9HSsSrw9QZfE9U1F2df

Essa transação será processada e confirmada por uma rede com vários computadores de grande poder computacional conhecidos como mineradores e será registrada no blockchain, um livro contábil público e imutável, o qual garante que cada transação não será alterada por qualquer outra pessoa. As transações de Bitcoin não permitem estorno, ou seja, não podem ser desfeitas.

Para cada transação é gerada uma taxa. Essa taxa é referente à rede Bitcoin. Ela é calculada de acordo com tamanho da operação e não como uma porcentagem do valor enviado. As taxas podem variar de com o congestionamento da rede e são destinadas ao pagamento dos mineradores que validam as transações.